quinta-feira, 22 de abril de 2010

- A prazerosa arte de ignorar;

Dentro de um regime escolar, podemos destacar como principais atividades: professores qualificados, mentiras, alunos e colegas irritantes, além é claro de cinismos, ironia, e falta de educação, por parte de ambos os lados do sistema, professores e alunos... Qual seria a imparcialidade e o livre diálogo que pode existir dentro de uma escola? Falo por mim quando digo que entendo o que as professoras tentam todos os dias explicar...

Se você prestar atenção em pelo duas aulas do dia, aposto que se for conteúdo novo você irá entender, só que o problema das pessoas é apenas um ATENÇÃO, não conseguem parar e prestar atenção...Vendo pelo lado dos professores por esse lado eu fico com eles e não abro mão, por exemplo, quem prestou o mínimo de atenção em química sabe dizer o que é um anel benzênico, sabe dizer o que é e onde se localiza o metil (ramificação da cadeia carbônica), enfim coisa desse gênero...

Mas por outro lado, chamar os alunos de imaturos por exigir seus direitos, fazer insinuações e mascarar o cinismo em suas falas, isso não é direito com os alunos, e sim somos revolucionários porque após três anos com a professora de história que temos apenas isso podia acontecer conosco.

OBS:Obrigado Suelem depois daquela vês do horário comecei a encarar a direção de frente questionando, e exigindo...